pinnacle

Portos de Itajaí e Navegantes buscam alternativas para dificuldades com greve dos caminhoneiros e embargos

Publicado em 19/07/2018 07:48

Os portos de Itajaí e Navegantes, no Litoral Norte catarinense, buscam alternativas para as dificuldades enfrentadas neste ano com a greve dos caminhoneiros, em maio, e os embargos a frigoríficos por parte da União Europeia. Uma montadora norte-americana e mais espaço para navios fazerem manobras podem trazer resultados positivos.

Impacto nas exportações

Desde a cerâmica produzida no Sul do estado até os suínos criados no Oeste e as malhas fabricadas no Vale do Itajaí, 61% de tudo que é produzido em Santa Catarina é exportado, sai pelo Complexo Portuário de Itajaí.

A greve dos caminhoneiros dificultou a entrada e a saída de produtos. Com os embargos da União Europeia, a exportação de carne bovina caiu 52%, a de frango, 46% e a de peixe, 44%, uma perda de US$ 919 milhões.

Leia a notícia na íntegra no site do G1 SC

Já segue nosso Canal oficial no WhatsApp? Clique Aqui para receber em primeira mão as principais notícias do agronegócio
Fonte:
G1 SC

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário

    pinnacle Mapa do site